15 de fevereiro de 2014

Frutos



Foto do painel: Quadra coberta do Centro de Ensino 04 - Taguatina
                           


Recomeçando com o Blog




Encontrando-me com meus ex-alunos em tantos pontos de Brasília sinto uma imensa alegria por ter ficado em cada um a semente lançada e hoje vejo e posso dizer como “homens novos” citados  no evangelho.

               Como professora de religião muitos passaram por mim da 5ª a 8ª série. Sempre respeitei todos os alunos na diversidade de  religiões e sempre direcionei as minhas aulas para à Vida. Partindo da descoberta do homem como pessoa, (Imagem e semelhança de Deus), família, depois como comunidade e sociedade. Abertos para levarem o amor no mundo, para "fazer do mundo uma só família".
               E foram tantas experiências de Vida... Neste Blog poderíamos continuar os nossos diálogos e as nossas experiências do “Amor de Deus em nossas Vidas e como respondemos ao Seu amor, com o nosso amor”.

               O encontro que tive hoje me convida a recomeçar com este Blog, porém o espaço é para todos...


Prof. Conceição Pinheiro

Que seja este Blog um ponto de referência para encontrarem-se e matar as saudades de um tempo que permanece... Que vivemos juntos em sala de aula. E quantos momentos! Uma boa parte de nossa vida.
Sempre peço a Deus por todos que passaram por mim... Para que sejam “como os astros” voltados sempre para outro... Para amar a Deus, no outro... Lembro-me que escrevia muitas vezes no "caderno bonito de cada um":
“Seja sempre o amor para ser sempre feliz”. E outras.
      Lembram?
        Avante e comentem o Blog!

23 de outubro de 2011

Palavra de Vida

             A Palavra de Vida usávamos numa aula todos mês e tentávamos colocar na nossa vida.

             

           O que é a Palavra de Vida ?

            

            É uma frase do evangelho comentada por Chiara Lubich onde procuramos viver no mundo todo esta Palavra que é feita em diversas línguas e de acordo com a idade. Temos a Palavra de Vida para crianças e adolescentes e outra para adultos.

          Vamos continuar a nos comprometer e  viver a “FRATERNIDADE  UNIVERSAL”para construímos um “MUNDO UNIDO”. 

Deixo aqui a Palavra de Vida que levava uma vez, todos os meses para a sala de aula e continua a nos unir sempre! Hoje me encontrei no Salão do Dimas com Priscila Paula e com a mãe de Leidiane. Foi muito bom! E é uma grande alegria reencontrar-me com meus ex-alunos. Depois quero uma foto das duas para colocar neste Blog de foto apenas, porém poderia ser de mais trocas de experiência e comunicação. Eu mesma estou recomeçando hoje, pois nunca mais tinha postado algo.

               Se quiserem colocar algum recado é só entrar com o e-mail e a senha do gmail. O meu e-mail:

                          moreira.mcp@gmail.com

                                                                          Grande abraço a cada um!
Foto: Conceição Pinheiro

«Segue-me!

                                   (Mt 9, 9)

Quando saía de Cafarnaum, Jesus viu um cobrador de impostos, chamado Mateus, sentado no posto de cobrança. Mateus estava a exercer um cargo que as pessoas consideravam odioso e que o identificava com os usurários e os exploradores, que enriqueciam à custa dos outros. Os escribas e os fariseus punham-no no mesmo plano dos pecadores públicos, a ponto de censurarem Jesus por ser «amigo de cobradores de impostos e pecadores» e por comer com eles .

Jesus, indo contra toda a convenção social, chamou Mateus a segui-Lo e aceitou jantar na sua casa, como faria mais tarde com Zaqueu, o chefe dos cobradores de impostos de Jericó. Ao pedirem-Lhe explicações sobre este comportamento, Jesus disse que Ele veio para curar os doentes, e não para os que têm saúde. Veio chamar, não os justos, mas os pecadores.

E o seu convite, desta vez, era dirigido precisamente a um deles: «Segue-me!».

Jesus já tinha dirigido esta Palavra a André, Pedro, Tiago e João, nas margens do lago. O mesmo convite, com outras palavras, dirigiu também a Paulo, no caminho de Damasco.

Mas Jesus não ficou por ali. Ao longo dos séculos continuou a chamar, para O seguirem, homens e mulheres de todos os povos e nações. E faz isso ainda hoje: passa na nossa vida, encontra-nos em lugares diferentes, de modos diferentes, e faz-nos sentir novamente o Seu convite a segui-Lo.

Chama-nos a estar com Ele, porque quer estabelecer conosco um relacionamento

pessoal, e, ao mesmo tempo, convida-nos a colaborar com Ele no grande projeto de uma humanidade nova.

Não se importa com as nossas fraquezas, os nossos pecados, as nossas misérias. Ele ama-nos e escolhe-nos tal como somos. É o Seu amor que nos irá transformar e dar a força para Lhe responder e a coragem para O seguir, como fez Mateus. E, para cada um, Ele tem um amor, um projeto de vida, um chamamento particular. Sentimos isso no coração, através de uma inspiração do Espírito Santo ou através de determinadas circunstâncias, de um conselho, de uma indicação de um amigo nosso… Embora manifestando-se nos modos mais variados, é a mesma Palavra que ressoa:

«Segue-me!».

Lembro-me quando, também eu, senti esse chamamento de Deus. Foi numa manhã frigidíssima de inverno, em Trento. A minha mãe pediu à minha irmã mais nova para ir buscar o leite, a dois quilómetros de casa. Mas estava muito frio e ela não foi. Também a minha outra irmã se recusou a ir. Então eu adiantei-me: «Vou eu, mãe», disse-lhe, e peguei na garrafa. Saí de casa e, a meio do caminho, aconteceu um facto um pouco especial: pareceu-me que o Céu se estava a abrir e que Deus me convidava

a segui-Lo. «Dá-te toda a Mim», ouvi no meu coração.

Era o chamamento explícito, a que desejei responder imediatamente. Falei disso ao meu confessor e ele permitiu que me desse a Deus para sempre. Era o dia 7 de dezembro de 1943. Jamais poderei descrever o que se passou dentro de mim, naquele dia: tinha desposado Deus. Podia esperar tudo Dele.

«Segue-me!».

Esta Palavra não se refere só ao momento determinante da decisão da nossa vida. Jesus continua a dirigi-la a nós, todos os dias. «Segue-me!», parece sugerir-nos perante os mais simples deveres quotidianos: «segue-me» naquela dificuldade a abraçar, naquela tentação a vencer, naquele trabalho a fazer…

Como responder-lhe concretamente?

Fazendo aquilo que Deus quer de nós no momento presente. O que traz consigo, sempre, uma graça particular. O que temos a fazer neste mês deve ser, portanto, entregarmo-nos à vontade de Deus com toda a decisão. Darmo-nos ao irmão e à irmã que devemos amar, ao trabalho, ao estudo, à oração, ao descanso, à atividade que devemos realizar. Temos que aprender a ouvir a voz de Deus no fundo do coração. Ele fala também através da voz da consciência. Esta diz-nos aquilo que Deus quer de nós em cada momento. Mas temos que estar prontos a sacrificar tudo o resto para o realizar.

«Faz com que Te amemos, ó Deus, cada dia um pouco mais. Mas, porque podem ser demasiado poucos os dias que nos restam, faz com que Te amemos, em cada momento presente, com todo o coração, toda a alma e todas as forças, naquela que é a Tua vontade».

Este é o melhor método para seguir Jesus.

                                             Chiara Lubich

                                                                      

Vela também:

Palavra de Vida - Jovens e adolescentes

 

 

 

19 de julho de 2011

Palavra de Vida





Para reunião em pequenos grupos, de trabalho ou de famílias. Belos vídeos !

                                                               Palavra de Vida


Vigiai e orai para não cairdes em tentação, pois o espírito está pronto, mas a carne é fraca (Mt 26, 41











Jesus – durante a sua agonia no Monte das Oliveiras – dirigiu estas palavras a Pedro, Tiago e João, ao vê-los vencidos pelo sono. Ele levara-os consigo – os mesmos que tinham presenciado a sua transfiguração no monte Tabor – para que estivessem a seu lado naquele momento tão difícil e se preparassem com Ele através da oração. Na verdade, aquilo que estava prestes a acontecer, iria ser uma provação terrível também para eles.
“Vigiai e orai para não cairdes em tentação, pois o espírito está pronto, mas a carne é fraca”.
Estas palavras – lidas à luz das circunstâncias em que foram pronunciadas –, mais do que uma recomendação feita por Jesus aos discípulos, devem ser vistas como um reflexo do seu estado de alma, ou seja, de como Ele se preparava para a provação.
Perante a paixão iminente, Ele reza com todas as forças do seu espírito. Luta contra o medo e contra o horror da morte. Lança-se no amor do Pai para ser fiel, até o fim, à Sua vontade, e ajuda os seus apóstolos a fazerem o mesmo.
Jesus, aqui, é o modelo de como se deve enfrentar uma provação. Mas, ao mesmo tempo, é como o irmão, que se coloca ao nosso lado nesse momento difícil.
“Vigiai e orai para não cairdes em tentação, pois o espírito está pronto, mas a carne é fraca”.
A exortação à vigilância é muito frequente nas palavras de Jesus. Para Ele, vigiar significa nunca se deixar vencer pelo sono espiritual; manter-se sempre pronto para ir ao encontro da vontade de Deus; saber reconhecer os sinais que a exprimem na vida de todos os dias; e, sobretudo, saber enfrentar as dificuldades e os sofrimentos à luz do amor de Deus.
E a vigilância é inseparável da oração, porque esta é indispensável para vencer os momentos difíceis. A fragilidade da natureza humana (“a fraqueza da carne”) só pode ser ultrapassada com a força que vem do Espírito.
“Vigiai e orai para não cairdes em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca”
Como viver, então, a Palavra de Vida deste mês?
Também nós temos que nos preparar para os momentos difíceis: as pequenas ou grandes dificuldades que encontramos todos os dias. Dificuldades normais ou provações clássicas, que os cristãos vão encontrar com toda a certeza, mais dia, menos dia. Ora, a primeira condição para se vencer uma provação – seja ela qual for – é a vigilância, diz-nos Jesus. Trata-se de saber discernir e perceber que são dificuldades permitidas por Deus, não para nos desencorajar, mas para que, ao vencê-las, amadureçamos espiritualmente.
E, ao mesmo tempo, devemos rezar. É necessária a oração, pois são duas as tentações em que mais facilmente podemos cair nesses momentos: por um lado, termos a presunção de ser capazes de vencer a provação sozinhos; por outro lado, termos o sentimento oposto, isto é, ficarmos com medo de sucumbir, como se aquela dificuldade fosse superior às nossas forças. Jesus, pelo contrário, garante-nos que o Pai do Céu nunca permitirá que nos falte a força do Espírito Santo, se vigiarmos e se lhe pedirmos essa força com fé.
                                                                                    Chiara Lubich
Ob.:
        A Palavra de Vida era usada nas nossas aulas uma vez no mês e muitos faziam experiências... (Colocavam na vida).


Vídeo enviado pela Fernanda

Oi professora querida! Saudades!!!


Vim também anexar uma mùsica que gosto muito, ela fala da minha maior esperança, espero que goste também! Um beijo afetuoso, fica com Deus!!!
                                                            Fernanda


                                                                               
 
 
 

Segue em anexo a Palavra de Vida desse mês de julho.

24 de julho de 2010

25 de junho de 2010

16 de dezembro de 2009

12 de dezembro de 2009

Recadinho!



Caríssimo (a),

                Como vai?

               Quanta coisa mudou em sua vida... Quanto tempo passou até aqui daqueles anos de nossas aulas no Centro de Ensino 04 ou mesmo em outra escola. Quanta vida parece desaparecer como episódios na nossa mente e guardo comigo somente os momentos felizes quando saia feliz, feliz da sala de aula e até dizia comigo vou escrever isto... È Vida! Eram mudanças de vidas... E passou e não escrevi... “Recomeço”...
               Tenho um resumo que fiz dos pequenos trabalhos elaborados por vocês que mostram o quanto muitos de vocês imediatamente colocavam logo na vida o que ficava das aulas concluídas com o “Pai nosso” de mãos dadas.
             O conteúdo das aulas de Ensino Religioso do Distrito Federal são fundamentados sobre quatro eixos que são comuns a todos:

· A Pessoa humana

· A Família

· A Comunidade

· A Sociedade.

                      È importante saber que o conteúdo das aulas de Ensino Religioso do Distrito Federal foi elaborado por uma equipe de professores de várias denominações cristãs, um grupo maravilhoso! Um grupo ecumênico de longas datas de trabalhos juntos.
                    Dos pequenos episódios ou fatos ocorridos em sala de aula lembro-me de um aluno que me contou que foi na padaria e o caixa lhe deu o troco errado. E lembrando que podia “amar Jesus” naquela pessoa voltou e devolveu o troco. Outra aluna que começou a amar o pai nas pequenas coisas (não se relacionava com ele) e depois de algum tempo encontrou-se sentada ao seu lado no mesmo sofá e nem acreditava que tinha vencido aquela barreira...
                  Uma vez estava na sala e um aluno disse que estava com dor na cabeça. Venci o respeito e comecei a fazer uma massagem para acabar a sua dor, na cabeça. Foram risos e admiração, porém expliquei que tinha aprendido a fazer uma massagem e tinha que colocar os dons em comum. O garoto ficou bom e foi divertido!
                 O objetivo deste recado é mesmo para saber se você tem algum fato ou foto vivido ou tirada
 naquele período. Pode ser das gincanas ou dos jogos. Você pode enviar para:

                           mcpmoreira@hotmail.com

               Seria uma forma de partilharmos os dons e as riquezas da nossa alma, da nossa vida onde só quem viveu e experimentou pode expressar.

             Aguado com carinho e aproveito para desejar uma boa preparação para o Natal e um FELIZ NATAL E ANO NOVO, a mais linda festa do ano. A festa do amor maior... Para cada um de nós... Nasceu o melhor dos amigos... O melhor confidente. Quem mais nos ama! Maravilhoso celebrar esta realidade. Não é mesmo?

             Um grande abraço a cada um (a),

                                                              Conceição Pinheiro

9 de dezembro de 2009

Fernanda Gonçalves



"Que é Deus e te faz entender toda poesia. E torna mais valiosa a vida e prova que ainda da pra ser feliz. E amanhã será um novo dia..."

1 de dezembro de 2009

15 de novembro de 2009

16 de agosto de 2009

Halisson Arnald



"Já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis e esquecer pessoas inesquecíveis. Já fiz coisas por impulso, já me decepcionei com pessoas quando nunca pensei me decepcionar, mas também decepcionei alguém. Já abracei para proteger, já dei risada quando não podia, fiz amigos eternos, amei e fui amado, mas também fui rejeitado, fui amado e não amei. Já gritei e pulei de tanta felicidade, já vivi de AMOR e quebrei a cara muitas vezes! Já CHOREI ouvindo música e vendo fotos, já liguei só para ouvir a voz, me apaixonei por um sorriso, já pensei que fosse morrer de tanta saudade, tive medo de perder alguém especial (e acabei perdendo)! Mas vivi!Viva! Não passo pela vida... você também não deveria passar! Bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante."

Jaquelina Ellen



Do seu "Orkut":
Jack Ellen... Eternamente grata a Deus...
Sou muito mais do que algumas letras, frases e fotos,sou as minhas atitudes, os meus sentimentos, as minhas idéias.
Sou diferente!


Quem sou eu:

"Aprendi que o tempo cura... Que mágoa passa... Que decepção não mata... Que hoje é reflexo de ontem... Compreendi que podemos chorar sem derramar lagrimas... Que os VERDADEIROS AMIGOS permanecem... Que dor fortalece... Que vencer engrandece... Aprendi que sonhar não é fantasiar... Que pra sorrir tem que fazer alguém sorrir... Que a beleza não está no que vemos, e sim no que sentimos... Que o valor está na força da conquista... Compreendi que as palavras tem força... Que fazer é melhor que falar... Que o olhar não mente... Que viver é aprender com os erros... Aprendi que tudo depende da vontade... Que o melhor é ser nós mesmos... Aprendi que a maturidade nos permite olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranqüilidade, querer com mais doçura. Aprendi que Deus é tudo!!!!”

10 de agosto de 2009

21 de julho de 2009

Tatiana Lima

Jornalista no Rio de Janeiro agora...



Tiuipa

 

Oi querida professora, tudo bem? =]

É verdade, não estou mais em Brasília. A vida nos apronta cada coisa! A mim aprontou uma coisa fantástica, um grande presentão. Eu ganhei uma bolsa de estudos no Rio de Janeiro e cá estou. Dá para acreditar? Pois dia 14 vou completar um ano e até hoje não acredito. Estou aqui, fazendo minha graduação em cinema e já trabalhando na área. A faculdade me ligou e em 48h eu deveria estar aqui. Quando vi eu já estava pousando no Rio. Foi tão de repente que não deu para avisar nem às tias e amigos, só fui avisar já estando aqui, acredita? Mas estou muito, muito feliz - estou no máximo de minha felicidade. Fiquei morando com meu irmão mais velho e com 5 meses meus pais também vieram. Só estou com um irmão em Brasília, o Renato, que também foi seu aluno.

Agradeço também a você por estar tudo dando tão certo - nenhum professor passa em nossa vida sem nos deixar algo.

 Um grandíssimo abraço.

Luciana

26 de junho de 2009

27 de maio de 2009

Vitor Hugo

Rejane Barros



"RRENCONTRANDO"


No nosso corre, corre muitas vezes não temos tempo para parar... Ia bem próximo a minha casa quando algo me chamou atenção. Parei o carro. Estacionei e fui ali, pois como era bem próximo a minha casa... Mesmo assim era difícil. Assim o fiz. Depois de constatar e tomar contato com as pessoas ali presentes encontrou-me com Rejane Barros que foi minha aluna no Centro de Ensino 04.
Uma parada sempre faz bem. Retoma as forças. Reencontra-se com os amigos. E é exatamente por este motivo que este Blog chama-se: “RENCONTRANDO”. Não só em cada parada, mas em cada caminhada: na igreja, num shoping, restaurante, hospital, banco. Assim vou reencontrando os meus ex-alunos e é sempre motivo para relembrar e continuar a divina aventura de construir “O MUNDO UNIDO”, a “CIVILIZAÇÃO DO AMOR”... E vamos lá! A meta é “viver já agora como no o paraíso”. Pois a alegria do reencontro já o diz.

10 de abril de 2009

Paula Maia



Paula Maia >
Amizade. Um bem precioso a ser preservado e cultivado com muito desvelo e carinho. Quando temos a certeza de que nas horas mais difíceis podemos contar com alguém ao nosso lado, então descobrimos a verdadeira amizade e que sempre haverá uma mão estendida em nossa direção. E que estendida em nossa direção se torna talvez a nossa única salvação. Ter amigos é não estar só. Ter amigos é poder partilhar segredos, lágrimas e sorrisos. Amizade é companheirismo, respeito, carinho e fraternidade. Feliz daquele que tem ao seu lado um verdadeiro amigo. Amo vcssss....


5 de abril de 2009

21 de fevereiro de 2009

12 de fevereiro de 2009

Diana


Parabéns, Diana!

15 de dezembro de 2008

22 de novembro de 2008

Taty


Adm:
Obrigada professora por tudo!
Saiba que se hoje eu estou formada vc fez parte deste meu sucesso, pois há alguns anos (não vamos detalhar os anos né rsrsrs) Você me passou um pouco do seu conhecimento que hoje eu sou muito grata! Só o que eu posso dizer é MUITOOO OBRIGADAAAAA !!!!

17 de novembro de 2008

Rayanne Nóbrega




















"Os ventos que às vezes
Tiram algo que amamos.
São os mesmos que nos
Trazem algo que,
aprendemos a amar...
Por isso não devemos
chorar pelo que nos
foi tirado...
E sim aprender amar o
que nos foi dado...

Pois tudo aquilo que é
realmente nosso, nunca
se vai para sempre..."
William Shekespeare

Paula



Continuação da nossa conversa:
Sim Paula.
Gostaria mesmo de saber de suas lembranças... Daquilo que ficou pra vida de vocês... Das minhas aulas. Porque foi um pedaço enorme de nossa vida juntos: 5ª, 6ª, 7ª e 8ª. Lembro-me que levava uma vez por mês a Palavra de Vida (Um texto comentado por Chiara Lubích, fundadora do Movimento dos Focolares). E muitos contavam experiências.
Lembro-me também da aluna maravilhosa que era você. E como pessoas como você e outros também... Ajudavam a construir um clima de família nas nossas aulas. Os trabalhos apresentados... O Pai Nosso de mãos dadas... Rs. Certamente tudo permanece porque “quando a gente ama a vida se eterniza”... Desse modo: na continuação do nosso relacionamento. Obrigada pelo seu carinho que é redescobrir aquele mundo novo aquela “Civilização do amor”, como dizia João Paulo II que tentei construir na sala de aula e vejo agora como uma rede que se alarga na humanidade, unidos a tantos que querem levar a paz e o amor ao mundo.
Alguns dos nossos daquela época já chegaram à plenitude da felicidade: O PARAÍSO. Como o Danilo e o Daniel. Atualmente, por onde ando, no meu dia-a-dia, continuo a encontrá-los nos mais variados setores da vida profissional. Encontrei alunos daquela época que eram tão pequeninos agora jovens trabalhando como ótimos profissionais: um numa gerencia de um banco, em teatros, em lojas, em restaurantes, nos hospitais. Sabe que agora 3 são estagiários e meus professores na academia que freqüento. Imagine que alegria minha e deles... Rs. è o Diego, Rafael e Jean.Outros fazendo medicina na UNB(e falam das escolas públicas).Um que já atuou na Programa Malhação da globo. Tem também aqueles que não conseguiram seguir a estrada do bem. Encontrei uma mãe que dizia de sua dor por seu filho ter entrado no alcoolismo e está se acabando fisicamente. (Reze por ele). Nossa Paula! Escrevi demais. Vale agora como testemunho... Obrigada!

9 de novembro de 2008

Herbet




Olá pessoal,como estudamos no Centro de Ensino por 7,8 anos até a 8 série,conhecemos muita gente e sim,certeza muita gente lembrará de nós.... Lembranças a todos que fizeram parte dessa nossa infância... Fiquem todos com Deus...
Por Aguiar los Herbet como 11:20

Os dois são gêmeos e foram meus alunos.

8 de novembro de 2008

Rafael



Jean era meu aluno e agora é meu professor na Academia que frequento.


Rafael também era meu aluno e agora é meu professor na Academia que frequento.

30 de outubro de 2008

Duanne


Duanne:
Nome de origem irlandesa, que significa pequena morena, a educação é importante para ela, não julga a ninguém, não é egoísta com o dinheiro, é intuitiva e sagaz, é descente e amável com todos, é feliz junto ao mar, sua natureza alegre torna um prazer em trabalhar a seu lado.
( Do Orkut).

Thiago Mendes



Thiago,
Agradeço a Deus pelo dom imenso de sua vida e por tudo que você é para sua família...
È infinito o “amor de Deus” por você e que cada vez mais você seja um imenso contributo para “amar, como Deus ama...” Para apressar a “CIVILIZAÇÃO DO AMOR”, como dizia João Paulo II. (Este recadinho parece com os que eu escrevia muitas vezes no caderno de cada um). Rs
Que todos os seus sonhos se realizem!
Conceição Pinheiro.

2 de outubro de 2008




Sou Feliz!


Eu
Sem
DEUS
NÃO SOU NADA!!!!!!!


Não diga a Deus que você tem um grande problema, mas diga ao problema que você tem um grande Deus.
Confia em Deus, ele sempre faz o melhor por nós!

Tati Barbosa


Não Desista...quando tropeçar Ria...
Quando falarem contigo ...escute...
Quando tiver Pão...divida...
Quando teu irmão chora...chore com ele...
Quando se sentir Só...Procure...
Não seja um... Seja dois...
Goste de quem não te gosta...
Plante... Respire e preserve....
Por que muitos estarão com vc...
Transforme...Sinta...Ame...

( Manda uma foto sua, Tati! Para colocar aqui).

22 de agosto de 2008

Magda



M
Mãe, filha e aluna maravilhosa!
A
Amada sempre por Deus e por nós.
G
Grata a Deus por tudo...
D
De sua alma a felicidade de tantos!
A
Amiga, aluninha tempos atrás, avante a amar a Jesus no presente!

Magda ,

Você não imagina a imensa alegria que você me proporcionou indo ao Congresso Mariápolis 2008!
A sua presença era poder continuar o nosso relacionamento construído na sala de aula quando você menina ainda com a alegria que lhe foi peculiar na sala de aula e que não esperava lhe encontrar nunca mais... Rs
Sempre mandava o convite para os que foram meus alunos e que tenho contato até hoje... Alguns até já participam, porém a Mariápolis este que é anual e de quatro dias... Foi muito legal tê-la conosco!
Como também a Maria Clara tão pequeninha ficou lá muito bem espalhando o seu sorriso... Um imenso dom para todas nós... “Que ela cresça como Jesus em verdade e sabedoria”
Um abraço para você para ela e para sua família, especialmente os seus irmãos que também foram meus alunos!
Conceição Pinheiro

27 de junho de 2008

Júlia

Vânia
















♥ FELIZ DEMAIS:

Amor que não se doa,não é amor! Amor que não se compromete, não é amor...É no máximo paixão. È miséria disfarçada de encanto!!!!

5 de junho de 2008

21 de maio de 2008

Nayane



Bem Vinda!

Postagens populares